Páginas

terça-feira, 22 de junho de 2010

Outro carinho

No post passado falei de um carinho, agora eu tenho um outro carinho pra contar e mostrar.
Quem me segue e me conhece sabe que amo grupos de artesanato da internet. Eu neste fim de semana me inscrevi em um e tive meu pedido rejeitado. 
Se fosse em qualquer outro período isso passaria batido, mas na TPM???? É ruim heim!!! Choro com enterro de sapo, se esbarro na coitada da formiga e por aí a fora, pior que mulher grávida, mas também é o período que quero "matar" quem me olha atravessado, pode??? Vou de um extremo ao outro.
Quando recebi um email dizendo que não fui aprovada no grupo, olha que sensação ruim, que mal estar. Já corri para meus grupos chorando por minha rejeição. Recebi tantas palavras lindas, meu ego ficou desse tamanho, "me achei"!! rsrsrs...
Só que foi tudo um erro do Yahoo, quem usa conhece e sabe como ele é, mas ele eu xingo depois rsrs... Bem... a moderadora do grupo entrou em contato comigo pediu desculpas e me enviou um convite. Ufa que alívio saber que não fui rejeitada, com isso eu descobri que tenho problemas de rejeição, pelo menos na minha TPM rsrsrs...
Mas no meio desse meu choro todo, uma amiga que tenho muito carinho fez uma adaptação de um poema pra me consolar e é claro que vou postar aqui pra dividir com vocês mais um carinho que recebi.

Alma minha gentil que te escondeste
Tão cedo hoje, tão descontente.
Repousa agora tranquilamente
Pois pensa que o melhor já recebeste.

Se lá no teu atelier, onde sumiste.
Alguma tristeza se pressente
Não te esqueças da amizade ardente
Que já pelos nossos emails viste.

E se vires que a mágoa pode aborrecer-te
Em alguma coisa do que ficou
Sobra é em nós o medo de perder-te

Não ligues para aquele que te negou
O gesto meigo de acolher-te
Trazendo de volta o que quase nos levou.

Reprodução adaptada para a ocasião, pelo Sr Thomas, por sua subida admiração
pela amável Janise  -21/06/2010
Poema de Luiz Paz de Camões : Alma minha gentil que te partiste...

Esse Thomas é na verdade a Sheila Valverde (o fato de ser Thomas é uma outra história), uma pessoa muito especial, que já me escutou muito (coitada!!!). Obrigada minha linda pelo seu carinho e atenção comigo.