Páginas

quinta-feira, 12 de maio de 2016

Armas da Sedução

Livro: Armas da Sedução - Homens Marcados, #3
Autor: Jay Crownover
286 páginas
4 estrelas


Sinopse:
Rome Archer é um herói de guerra, mas acabou de deixar o exército e está completamente perdido. O mais velho e musculoso dos irmãos Archer tornou-se um animal selvagem e precisa de alguém que o pegue de jeito.
A desbocada gerente do estúdio de tatuagem Homens Marcados, Cora Lewis, sempre soube manter os rapazes na linha. Mas por trás de toda sua atitude e jeito descolado, ela sonha em encontrar o amor perfeito. 
As tatuagens cheias de cores espalhadas pelo corpo dela contrastam com as cicatrizes na pele dele. Há uma grande tensão entre os dois... E quando mundos tão opostos se juntarem será como uma explosão de fogos de artifício: intensa e colorida.






Esse livro começa praticamente onde terminou o livro anterior (Notas Quentes). Uma confusão entre Cora e Rome, que voltou da guerra meio amargo da vida (lógico). Quando Rome um tempo depois apareceu para pedir desculpas, a fadinha já estava começando a olhar o Rome:
Ele é grande demais, incrível demais e americano demais para me deixar arrepiada daquele jeito
Rome depois de uma bebedeira, foi socorrido por Cora. Resultado disso foi que surpreendente (ironia viu?!), ele foi parar na cama dela, apesar de ter sido maravilhoso, depois disso eles não se entendem de jeito nenhum. E a cena na cama foi bem bonitinha e delicada.

Cora sonha e espera pelo príncipe encantado perfeitinho, mas Rome não é bem isso. Mas aos trancos e barrancos eles vão se virando. Ela é muito bonitinha, vai arrumando a bagunça de todo mundo. Mas se enrola na própria bagunça.
E esse livro é meio diferente, tem ação, mais emoção, susto, é cheio de situações a serem resolvidas e outras vão surgindo nos preparando para os próximos livros. E é assim que termina, com um final aberto que nos leva obrigatoriamente a leitura do próximo.

Então, lá vamos nós!
Bjoo