Páginas

quarta-feira, 11 de maio de 2016

Notas Quentes

Livro: Notas Quentes - Homens Marcados, #2
Autor: Jay Crownover
312 páginas
3 estrelas

Sinopse:
Quando Jet Keller sobe no palco com aquela voz meio rouca, dedilhando intensos acordes de guitarra, todas as garotas vão à loucura. O corpo tatuado, o cabelo rebelde e o olhar sedutor fazem desse roqueiro um grande conquistador, capaz de levar a mulher que quiser para a cama. Muitos garotos sonham com a estudante de química, Ayden Cross. Seus olhos cor de uísque, as pernas super compridas, o ar de mistério e até o seu sotaque fazem qualquer um perder o juízo. Mas Jet é o único homem capaz de enlouquecê-la e tirá-la de sua vida certinha. Há muito tempo que Ayd e Jet se desejam, mas por acreditarem que são um o oposto do outro, têm evitado essa paixão. Porém, um desejo assim tão ardente não pode ser contido por muito tempo e o que está para acontecer entre esses dois será avassalador. Notas quentes é um romance tórrido, cheio de revelações e com intensas cenas de amor que irão ficar gravadas em você tal como um rock sedutor.





Agora chegou a vez de Jet um roqueiro muito lindo, gostoso e que pega mais meninas que pode contar, e Ayden gosta de country, é apaixonada por Jet, só que ele acha que ela é muito certinha para ele e ele não quer compromisso. Só que o passado que ela esconde, e nem a melhor a amiga Shaw, sabe, talvez prove que ele está bem errado.
Só que para o desespero de Ayd, Jet foi morar na mesma casa que ela e a amiga Cora.
Nessa série pelo que estou percebendo as famílias são bem problemáticas. Com Jet não é diferente, inclusive por causa disso ele foge do sucesso, por causa do sanguessuga horroroso do pai (tadinho do bichinho!). Ah e mãe dele… não posso nem falar o que penso dela, vou deixar passar essa vadia (ops!)
Como um bom e velho romance, tem aquele lenga-lenga do quero, mas não posso. Clichezinho bonitinho.
Mas ela quer certas coisas da vida que eu jamais vou ter para oferecer. Eu não devia pirar toda vez que ela está perto de mim se sei que essa história nunca vai dar em nada. Não tenho nada contra ser o playground de uma garota bonita, mas algo me diz que, quando ela for embora depois de brincar, vai levar muito mais do que estou disposto a dar.” Jet pensando sobre a Ayd.
E quando tudo estava dando certo e melhorando… lógico, claro, óbvio que a coisa tinha que desandar, pois é a autora não teve dó e trouxe o passado da Ayd para o presente e bagunçou geral. E para piorar Ayd age feito uma retardada. Ahhh tadinho do Jet! (liga não Jet, ela feia!).
Tá bom, não posso ser injusta, ela está agindo de forma a proteger Jet e seus amigos, só que em consequência disso está destruindo o coração do Jet e o seu mesmo (um minuto de silêncio em meio a dor...).
A vida de Ayd vira uma bagunça, mas ela é forte. É fácil de gostar dela, agora, fácil mesmo, é gostar desse roqueiro lindo e gostoso, que deve se vestir feito um louco, mas não ligo. Um roqueiro apaixonado é lindo demais! (Gente e os piercing!!! Em todo lugar, entende o que eu digo? Pois é, queria ver hehehehe)
O final é lindinho e já vai abrindo espaço para o próximo livro. Então vamos lá!
Um beijo Jet! Vou sentir saudade…
Bjoo