Páginas

quarta-feira, 1 de junho de 2016

Wait For You




Livro: Wait For You - Wait For You #1
Autor: Jennifer L. Armentrout
398 páginas
3 estrelas

Sinopse:
Por algumas coisas vale a pena esperar... Viajar milhares de quilômetros para entrar na faculdade é a única maneira que Avery Morgansten, de dezenove anos, tem para escapar do que aconteceu na festa de Halloween, há cinco anos - um evento que mudou para sempre a sua vida.
Algumas coisas valem a pena experimentar... Cameron Hamilton é um gostoso de 1,92 metros, digno de desmaio, completo com um par de olhos azuis impressionantes e uma notável capacidade de fazê-la querer coisas que acreditava terem sido irrevogavelmente roubadas dela. Ela sabe que precisa ficar longe dele... mas ignorar a tensão latente que acende sempre que eles estão juntos torna-se impossível, ele traz à tona um lado dela que ela nunca soube que existia.


Algumas coisas nunca devem ser mantidas quietas... Mas quando Avery começa a receber e-mails e telefonemas ameaçadores, forçando-a a enfrentar um passado que ela quer calar, ela não tem outra escolha senão reconhecer que alguém se recusa a permitir que esqueça aquela noite, quando tudo mudou. Quando a verdade devastadora for revelada, ela vai ressurgir desta vez com uma cicatriz a menos? E conseguirá Cam estar lá para ajudá-la ou ele vai ser arrastado para baixo com ela?
E por algumas coisas vale a pena lutar...



Não gostei do início, no primeiro dia de aula Avery, correndo, vai de encontro com Cam, o mais lindo e gostoso da facul e faz um mimimi chato, porque está traumatizada com o que aconteceu com ela a 5 anos atrás. A falta que faz um psicólogo para os personagens! E paciência para certos leitores!
Jennifer L. Armentrout vai trabalhando em sua escrita a curiosidade do leitor sobre o que Avery esconde e foge.
Avery trombou com Cam, Cam quase atropelou Avery, ele tem uma mesma matéria com ela, na qual são parceiros e agora o melhor, eles moram fora do campus, agora a pergunta difícil, mas vou tentar, vamos ver quem acerta: quem é vizinho de porta de Cam??? Quem? Pois é, é lógico, claro e óbvio – Avery.
Cam é engraçado, irônico, divertido, Avery é chata. Ele passa mais de 2 meses pedindo para sair com ele e ela não aceita. É doente essa praga! (hehehe ops!) Mas um dia ele consegue e no primeiro encontro ela fica nervosa (até eu ficaria).
...Eu quero estar aqui com você, Avery. Você não tem que se preocupar em impressionar-me ou encantar-me. Você já fez isso.


E a história parece que foi escrita para me irritar, porque quando tudo estava indo bem, se encaixando, baixa um espírito de mimimi na Avery que pelamor!! Ô menina burra!! Tapada, imbecil, idiota… Ops, desculpa, me empolguei.
As coisas melhoram eles se acertam, ele fala das porcarias que fez no passado, aquelas coisas para gerar confiança e tudo mais. Só que um dia a bestona tem um chilique na hora do “bem bom” e não confia nele para falar do passado dela, quando ele quase implora. Aquela baboseira de segredos do passado. Cara, ela é muito burra, estúpida, idiota, imbecil, babaca… tá desculpa, desculpa, me desconcentrei. Fala sério!
Tá bom”, “tá bom”… estou sendo feia, a menina passou uma coisa horrível, nem sei com se faz para se recuperar de uma coisa assim, e fico feliz que ela tenha conseguido.
No final tudo se a jeita e a gente esquece aquele monte de mimimi, ela tinha lá seus motivos.
Sentirei falta do Cam maravilhoso, queria um assim pra mim, ops!
E foi assim, bjoo.