Páginas

domingo, 20 de novembro de 2016

Kiss an Angel


Livro: Kiss an Angel
Autor: Susan Elizabeth Phillips
375 páginas
4 estrelas
Sinopse:
A formosa e caprichosa Daisy Devreaux pode ser presa ou casar-se com o misterioso homem que seu escolheu pai. Os casamentos arranjados não acontecem no mundo moderno, e, como se colocou Daisy nesta confusão?
Alex Markov, tão sério como bonito, não tem a menor intenção de fazer o papel de marido amoroso para essa “cabecinha de vento”. A vida cheia de comodidades de Daisy, o leva a difícil tarefa de domá-la. Mas ele se surpreenderá com ela. Não passará muito tempo até que a paixão o faça saltar sem rede de segurança, arriscando tudo em busca de um amor que dure para sempre.





Narrado na terceira pessoa uma história deliciosa, mas para mim não foi nada fácil, porque, perdoem meu pecado, eu usei o tradutor do google para traduzir esse livro. Logo, não foi uma leitura fácil e nem fluiu as mil maravilhas. Ahhh mas não me arrependi, a história valeu o sacrifício.
Dayse Devreaux é bonita mas fútil de tudo, pelo menos a primeira vista. Fez uma dívida tão grande em seus gastos que seu pai ameaçou não pagar e ela iria para cadeia, mas ele não foi tão ruim, disse que se ela se casasse, pelo menos por 6 meses, estava tudo perdoado e ela teria uma lição da vida. Outro ponto: o noivo seria escolhido por ele. E que noivo, benza Deus!!! Meu pai não me “castigou” assim...
Ela conheceu o noivo praticamente no dia do casamento, nem sabia o nome dele direito. Ela não sabia nada sobre ele. E lá foi ela embora com ele logo após o casamento. E para sua surpresa e pavor, a rica mimadinha foi parar em um circo! Imagem?!
O marido escolhido pelo pai era um russo que lhe devia um favor, Alex Markov, gerente do circo. Um homem sério e fechado. A medida em que a história vai se desenrolando e vamos conhecendo Dayse fica impossível não se apaixonar por seu jeitinho. E lógico que o machão do Alex não resite. E a gente também vai conhecendo o passado do Alex e entendo ele bem melhor.
O fato de tudo acontecer um ambiente de circo já é uma coisa meio diferente, mas também tem a mudança abrupta de nível, qualidade de vida, tem ex amante, tem rival, um monte de animal, até eles encantam a gente. Também tem o passado pesado de Alex, que justifica o fato dele ser como é. Também tem surpresas ou revelações, que acontecem, que a gente nunca poderia imaginar. Amei isso. E o que eu mais gostei foi como tudo foi se transformando na vida de Dayse e Alex.
É um livro doce (não melado). Uma história de amor, com um casamento “forçado”, mas que só no final a gente descobre a verdade. Os personagens são ótimos, até os bichinhos. E o casal é muito fofo. Amei.
E foi assim que aconteceu.
Bjoo.