Páginas

terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Camas Separadas


22/200
Livro: Camas Separadas
Autor: Christine Rimmer
223 páginas
2 estrelas


Sinopse:
Personagens: Zach Bravo and Tess DeMarley
Noiva Certa! A adorável viúva Tess DeMarley parecia a “esposa perfeita” para Zach Bravo, um homem que não queria envolvimentos, só um casamento arranjado. E sua proposta não incluía paixão, amor, envolvimento... e essas coisas que podem ferir um homem!
Noivo Errado? Se perguntassem a Tess DeMarley que homem ela sempre quisera a seus pés, Zach Bravo não seria sua primeira escolha. Mas agora que ele lhe propusera casamento, Tess começou a olhar para ele sob um novo prisma. E a hipótese de ser “esposa só no nome” não lhe interessava mais. Será que ela conseguiria transformá-lo em marido “de verdade”? 





A intenção da autora foi boa, mas só a intenção não foi suficiente. O livro é fraco com uma história arrastada cheia de abobrinha.
Zach pede Tess em casamento, ela aceita. Mas é um pedido como se na vida deles nada tivesse mais jeito, e estivesse tudo perdido e só estavam esperando para morrer. O casamento era só para passar o tempo.
Tess casou com cara muito mais velho, mas é viúva. Cash foi o cara amigo que sempre ajudou e por causa disso ela se apaixonou, só que ele é casado. Zach já sabia ou desconfiava disso, pois é nem a autora soube explicar. Mas por causa de uma olhada dela para Cash, Zach depois de casado resolveu dormir em camas separadas, dar um tempo. Hã? Oi? Como assim? Um cowboy na seca dando um tempo? Fala sério!!
Na verdade a autora faz seus personagens ficarem cansativos, fracos. Mas ela se esforça, acrescenta a filha do casamento anterior de Zach, uma coitadinha problemática vazia, um roubo de gado misterioso, mas o esforço não foi suficiente. Não convenceu.
E foi isso aí!
Bjoo.